Ponte Internacional

ponte

Em 1930 iniciou-se o movimento pela construção da Ponte Internacional, liderado pelo uruguaianense e cônsul brasileiro em Paso de Los Libres (Argentina) Antônio Mary Ulrich que infelizmente faleceu em 20 de novembro de 1934, antes de ver sua idéia começar a ser executada.

Em 29 de setembro de 1933 reuniu-se uma comissão de uruguaianenses, para discutir como fomentar a construção da ponte. A comissão foi criada por sugestão do uruguaianense Sr. Cel. Valentim Benício da Silva ( criador da biblioteca do exército.

Por orientação de todos os representantes na reunião, o próprio coronel Valentim sugeriu o formato da comissão, indicou nomes e delegou funções.

A Comissão ficou assim formada: Departamentos Central, de Trabalho, de Técnica e de Propaganda;

Central:

  • Presidente: Marechal Setembrino de Carvalho (uruguaianense);
  • Vice-presidente: Sr. João Barbará;
  • 1º Secretário: Sr. Mário Ferrari Valls;
  • 2º Secretário: Sr. Osório Vaina Benício;
  • Tesoureiro: Sr. Alfeu Palma Garcia.

Comissão de Trabalho: Sr. Sérgio Ulrich de Oliveira.

Comissão de Técnica: Sr. Álvaro Crespo de Oliveira.

Comissão de Propaganda: Sr. Mário da Maia.

Estes, levaram ao Rio de Janeiro a proposta de construção da ponte aproveitando a estadia do Presidente Argentino Bartolomeu Mitre no Brasil.

Em 15 de junho de 1934 as 16:00 horas foi realizada a cerimônia de assinatura de protocolo no Palácio do Itamaraty pelo Embaixador brasileiro Félix de Barros Cavalcanti de Lacerda, então Ministro Interino das Relações Exteriores e o Embaixador argentino Ramón Cárcane.

Em 1938 foi lançada a pedra fundamental da Ponte pelo Presidente brasileiro Getúlio Vargas e Presidente Argentino Bartolomeu Mitre.

Em 1940 iniciou-se a construção da ponte e em 1945 ela foi aberta para o trafego de automóveis.

A ponte sobre o Rio Uruguai que liga Uruguaiana à Paso de Los Libres, mede 1.429 metros de comprimento e 12 metros e 90 centímetros de largura, sendo 4 metros e 90 centímetros destinados para linha férrea, 06 metros e 25 centímetros para estrada de rodagem e 2 metros e 55 centímetros para o pedestres.

A ponte que está a 18 metros de altura, foi construída em concreto armado, sendo o material da construção pago pela Argentina e mão de obra pelo Brasil.

A ponte foi inaugurada em 21 de maio de 1947 com a presença do Presidente brasileiro, Marechal Gaspar Dutra e o Presidente argentino Juan Domingos Perón, na gestão do Prefeito Flodoardo Silva.

A Ponte leva os nomes de:

  • Ponte Internacional Pres. Gal. Augustin Justo (lado brasileiro)
  • Ponte Internacional Pres. Getúlio Vargas (lado argentino)

ponte2